RANKING: Dez CENAS PÓS-CRÉDITOS que não são da MARVEL

Curtindo-a-vida-adoidado-Ferris-Buellers-Day-Off-poster

Confira alguns filmes que guardaram surpresas pra quem ficou até o fim

por Eduardo Marchiori

Atualmente, um dos maiores prazeres dos espectadores dos filmes da Marvel Studios é aguardar as surpresas que as cenas pós-crédito reservam. Desde o primeiro Homem de Ferro (2008), quando Nick Fury surgiu das sombras convidando o herói para a tal “Iniciativa Vingadores”, grande parte do público – sim, porque ainda tem quem sai do cinema antes – não arreda o pé da sala antes das cenas surpresa. E isso agora se estende também a filmes de outros estúdios porque… né? Nunca se sabe…

Essa tradição, no entanto, começou bem antes da Marvel. Vários filmes já reservaram surpresas para o público abnegado que gosta de ver nomes e mais nomes subindo na tela ao som de alguma trilha sonora bacana – este que vos escreve, por exemplo, é um dos que fica curtindo a música enquanto toma o último gole de refrigerante. Por isso, separamos dez cenas pós-créditos exibidas muito antes da Marvel fazer os fãs criarem o bordão: “Marvel, estou contigo até o fim… dos créditos!”

07-credit-history.nocrop.w529.h400.2x1) Moscou contra 007 (From Russia with Love, 1963)
Não é bem uma cena pós-crédito, mas talvez o embrião delas. Uma mensagem escrita, dizendo “Not Quite the End. James Bond will return in the next Ian Fleming thriller, Goldfinger” (Não é o fim. James Bond voltará no próximo suspense de Ian Fleming, 007 contra Goldfinger“), criava a expectativa pela próxima aventura do espião. Esta estratégia também foi usada no final do clássico Superman: O Filme (1978), com a frase “Coming Soon: Superman II” (Breve: Superman II), informando que a aventura não acabava ali.

cena mortos vivos2) A Noite dos Mortos Vivos (Night of the Living Dead, 1968)
No clássico longa de Cesar Romero, enquanto sobem os créditos, são mostradas imagens estáticas de vários cadáveres dos zumbis sendo acumuladas numa clareira. Por fim, quando os créditos terminam, surge a cena de uma grande fogueira.

3) Os Muppets: O Filme (The Muppet Movie, 1979)cena muppets
Depois do último número musical do filme, enquanto os créditos subiam, o público foi brindado com uma conversa de bastidores da turma dos Muppets, repleta de piadas. Ao final, Animal olha para os espectadores e solta um agressivo “Vão pra casa!”

cena grito de horror4) Grito de Horror (The Howling, 1981)
Filmes de terror nunca perdem uma oportunidade de dar um último susto no espectador. Mas no caso do filme de Joe Dante, a surpresa pós-crédito não foi um susto, mas sim uma referência às origens do longa: o filme O Lobisomem, de 1941. E a cena é tão retrô que é mostrada direto da TV. Nada assustador, mas legalzinho.cena enigma da pirâmide

5) O Enigma da Pirâmide (Young Sherlock Holmes, 1985)
O vilão da aventura do jovem Sherlock Holmes, Professor Rathe (Anthony Higgins) é dado como morto no fim da história. Sobem os créditos e – surpresa! – ele aparece vivo, num hotel, assinando o livro de hóspedes. Outra surpresa: ele assina como Moriarty, o grande inimigo do detetive quando este se torna adulto, prenunciando que ainda azucrinaria muito a vida de Holmes.

cena curtindo a vida adoidado6) Curtindo a Vida Adoidado (Ferris Bueller’s Day Off, 1986)
A mesma piada usada no filme dos Muppets foi requentada e incrementada na comédia de John Hughes. Durante os créditos, coisas acontecem com o malvado diretor Rooney (Jeffrey Jones). Ao final, Ferris Bueller (Matthew Broderick) surge na tela dizendo: “Ei, vocês ainda estão aí? O filme já acabou! Vão pra casa!” A piada encerra bem o filme, no qual o jovem Broderick passa o tempo todo conversando com o público.

7) Mestres do Universo (Masters of the Universe, 1987)cena mestres
A estreia do He-Man no cinema não foi nada como os fãs esperavam: He-Man não se transformava em Adam, Gorpo foi substituído pelo chatíssimo anão Gwildor e a ação se passava na Terra, tendo como coadjuvantes um casal tão sem sal que podia ser servido em qualquer hospital público. Apesar disso, alguns atores se esforçaram, como é o caso de Frank Langella, que interpretou Esqueleto. E, para não ficar diferente dos desenhos animados, onde o vilão nunca se dá por vencido, ele aparece depois dos créditos dizendo que ia voltar. Estamos esperando, Esqueleto!

cena vida de inseto8) Filmes da Pixarcena nemo
Com as produções da Pixar, ir ao cinema é uma grande brincadeira. Prova disso é que o primeiro filme da produtora não foi outro senão… Toy Story (1995), uma história sobre brinquedos! Já no filme seguinte, Vida de Inseto (1998), a Pixar começou a divertir o público também durante os créditos, com cenas que retratam “erros de gravação”, como se os personagens do filme fossem mesmo atores. O mesmo aconteceu em Monstros S.A. (2001), com uma ótima cena em que Mike canta um solo para a plateia. Mas pós-crédito mesmo, foi em Procurando Nemo (2003), com uma surpreendente (e divertida cena).

9) Super 8 (idem, 2011)600px-Super8_cap_02
O longa-metragem mostra o filme dentro do filme: um grupo de garotos, que faz um curta-metragem com uma câmera Super 8, acaba descobrindo um alienígena oculto pelo exército. O filme tem o frescor das produções oitentistas e, ao final, o público ainda é brindado com mais cinco minutos de filme após os créditos, com a exibição do curta-metragem feito pelos garotos. Um presentaço!

cena morte do demônio10) A Morte do Demônio (The Evil Dead, 2013)
Nem sempre os remakes conseguem alcançar a qualidade dos originais (ok, quase nunca conseguem!). Ainda mais quando decidem mexer num filme que é cultuado por uma legião de fãs, como o caso do Evil Dead original, de 1981. Desta vez, deixaram uma cena pós-crédito bem bacana, com a participação de Bruce Campbell, astro dos filmes originais da série. A cena não é relacionada com a história, mas apenas uma homenagem ao clássico original.

A lista de filme com cenas pós-créditos é enorme, mas vamos parar por aqui. A dica é que, como a gente nunca sabe o que os cineastas vão nos reservar, não custa ficar mais uns minutinhos na sala de projeção. Pelo menos, você não corre o risco de perder uma surpresinha e se arrepender quando encontrar aqueles amigos nerds comentando sobre a cena que você não viu.

EduEduardo Marchiori é jornalista e leitor de quadrinhos desde a mais tenra idade. Escreve para as revistas Mundo dos Super-Heróis e Mundo Nerd e é responsável pelo blog Raio X (http://mutantexis.wordpress.com), também voltado à cultura pop

Anúncios

2 comentários sobre “RANKING: Dez CENAS PÓS-CRÉDITOS que não são da MARVEL

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s