Entrevista: Alexandre Morgado, autor do livro sobre a história da Marvel no Brasil

01

Conheça  o livro que conta os 50 anos de publicação da Marvel no Brasil

Por Wilson Simonetto

03Com uma linguagem simples e direta, o escritor Alexandre Morgado conta a história da Marvel em território brasileiro, narrando a trajetória das 39 empresas que editaram no país o universo criado por Stan Lee, Jack Kirby e Steve Ditko.

Trazendo depoimentos de editores e profissionais que trabalharam com a editora americana em nosso país, o livro Marvel Comics: A Trajetória da Marvel No Brasil apresenta um panorama do tumultuado mercado brasileirom e mostra como funcionavam as publicações de quadrinhos desde os anos 1940 até os dias de hoje.

O lançamento será em 08 e 09 de abril, durante o Festival Guia dos Quadrinhos, um dos maiores eventos para colecionadores de HQs do Brasil, e O Pastel Nerd aproveitou para bater um papo com o autor.

Alexandre, fale um pouco sobre você e como se interessou por quadrinhos?

Sou de São Paulo e trabalho há quase 20 anos no ramo de cartório. Em relação aos quadrinhos, posso dizer que cresci com as revistas. Tudo começou por intermédio do meu pai, que era colecionador de livros, assinante do Círculo do Livro, e comprava muitos exemplares de diversos tipos e estilos. Acredito que, para estimular a leitura em mim, ele começou comprando quadrinhos. Sempre que chegava em casa do serviço, me dava uma revista. Aquilo foi o começo de uma infância bem feliz, eu devia ter seis anos de idade. Peguei tanto gosto pelas revistas que nunca mais parei de ler e colecionar e com isso já se vão mais de 33 anos!05

Quantos quadrinhos, aproximadamente, você tem hoje?

Já  passou dos 18 mil exemplares.

E como você controla o que você tem?

Controlo pelos que não tenho (risos). Tenho um arquivo com as revistas faltantes que me interessam, a maioria da Ebal, e uso o site Guia dos Quadrinhos, para organizar de uma forma geral.

Você tinha o projeto de ter na coleção tudo o que foi publicado no Brasil, não é?

Em relação ao Universo Marvel, consegui realizar um sonho de criança. Completei tudo que foi publicado no Brasil. De Ebal até a Panini. Lembro que faltavam três revistas: Conan nº 02 da Roval, Kazar da Kultus e o Túmulo do Conde Drácula da Saber. [A compra desse último] foi o que fez com que completasse a Marvel!

06Fale do seu livro, como começou o projeto?

O projeto nasceu sem querer, foi como uma extensão do que eu já fazia como colecionador e pesquisador de quadrinhos. Quando completei [a coleção da] Marvel no Brasil, pensei “e agora, o que eu faço?”.  A ideia para o livro surgiu daí. A principio, pensei em fazer um livro mais voltado ao colecionismo em si. Mas, pensando melhor, decidi falar sobre a história da Marvel no Brasil.

Hoje com o mundo mais globalizado, principalmente com o acesso às redes sociais, o projeto começou a tomar forma. Por exemplo, o editor Leandro Luigi Del Manto, que trabalhou na Abril e na Editora Globo, fazia parte da minha rede de amizades. O Daniel Lopes do Pipoca e Nanquim, de quem sou muito amigo, trabalha da Mythos Editora, que é administrado pelo Hélcio de Carvalho, que foi quem começou com a Marvel na Editora Abril em 1979. Assim, a ideia foi ganhando forma!08

Depois disso, comecei a ir atrás de outro profissionais que trabalharam com a Marvel, entre eles o editor-chefe da Abril, Sergio Figueiredo, e os editores Marco Moretti e Marcelo Alencar, além do tradutor Jotapê, Ota Assunção (da fase Ebal), Mario Amiden e Felipe Ferreira da RGE, Fernando Lopes, Alexandre Callari e o Daniel Lopes da Mythos, e o Levi Trindade da Panini, entre outros profissionais. [Também tive a ajuda de] Toni Rodrigues, uma das pessoas que mais conhece o mercado nacional de quadrinhos. É inacreditável como o Toni conhece todos os detalhes das editoras dos anos 1960 a 1980. Foi ele que deu uma direção para que o livro caminhasse.

E a Marvel fará 50 anos no Brasil este ano, certo?

Sim, com os lançamentos da Ebal em 1967.

09Como se dará a publicação do livro?

O livro já está com o revisor e logo estará com o diagramador. Será publicado pela Editora Laços, do grande colecionador Kendi Sakamoto. Está programado pra ser lançado no Festival Guia dos Quadrinhos. Tem em torno de 300 páginas. Lauro Larsen e Thiago Ferreira vão fazer a capa e o  Thiago fará a diagramação.

Como chegou ao Kendi?

O projeto chegou a ele através do Renato Frigo, do grupo Colecionadores de HQs. Foi ele quem fez a ponte entre mim e o Kendi. Aí foi fácil, pois o Kendi adorou a ideia.

Pode falar um pouco sobre o conteúdo do livro?10

O livro conta desde os anos 1940 quando a Marvel era chamada de Timely e começou a ser publicada no Brasil pelo jornal O Globo [e segue explicando] como funcionou o mercado de quadrinhos desde essa época, cobrindo os 76 anos da Marvel e passando por todas as 39 editoras que a publicaram no Brasil! Sim, 39 editoras!  Por isso a história da Marvel no Brasil é tão fascinante! Há muitas histórias dos bastidores dos principais momentos. Desde a opinião do Stan Lee, em relação ao que a Ebal fazia até o processo movido por um leitor por causa das revistas editadas no Brasil. Há também um capítulo sobre a Editora Novo Século,  que hoje publica os romances da Marvel no Brasil.

Além dos editores, o livro conta com depoimentos dos maiores colecionadores e entusiastas dos quadrinhos do Brasil. O livro tem um depoimento do editor Marco Lupoi, responsável por licenciar a Marvel para todo o mundo. Os editores Manoel de Souza e Roberto Guedes, a letrista Lilian Mitsunaga e o jornalista da Folha, Thales de Menezes,  também falaram para o livro.

O livro Marvel Comics: A Trajetória da Casa das Ideias vem contar como funcionava o mercado de quadrinhos e como eram os trâmites entre as editoras brasileiras e a Marvel. Esse é o primeiro livro publicado no Brasil que conta a história, não só da Marvel, mas de todo o mercado nacional, passando por editoras “de fundo de quintal” até as grandes multinacionais. O livro é uma homenagem a todas essas editoras e, claro, ao Universo Marvel.

02

WilsonWilson Simonetto é colaborador do site Chamando Superamigos e da revista Mundo dos Super Heróis e, claro, do O Pastel Nerd. É colecionador de quadrinhos e prestigia todos os eventos nerds que pode, o que já rendeu a ele o apelido de “Homem-Evento”. Ele até aparece nas reuniões da equipe do O Pastel Nerd mas, pra fazer jus a seu apelido, apenas eventualmente…

Clique abaixo e curta O PASTEL NERD no FACEBOOK e no TWITTER
para não perder nossas atualizações:

FacebookTwitter-Logo

Anúncios

3 comentários sobre “Entrevista: Alexandre Morgado, autor do livro sobre a história da Marvel no Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s